Notícias

Lourinhã recebeu cerimónia de assinatura do Plano de Apoio Operacional Civil 2015

16th Janeiro, 2015

O ministro da Defesa Nacional, José Pedro Aguiar-Branco, o Chefe de Estado-Maior do Exército, General Carlos António Jerónimo e os secretários de Estado da Administração Local, António Leitão Amaro, e da Defesa, Berta Cabral estiveram hoje, na Lourinhã, no âmbito da cerimónia de assinatura do Plano de Apoio Operacional Civil (PAOC) 2015, que define a forma como vão ser empregues os meios de engenharia militar no apoio às populações.

Recebidos nos Paços do Município pelo presidente da Câmara Municipal da Lourinhã, João Duarte Carvalho, os representantes do Governo, do Exército, dos municípios envolvidos, e demais entidades convidadas, dirigiram-se, posteriormente, para uma tenda do Exército, especificamente instalada para a cerimónia.

Formalizado pelo General Carlos António Jerónimo e pelo secretário de Estado da Administração Local, António Leitão Amaro, o PAOC 2015 abrange 14 municípios portugueses, que vão beneficiar de meios de Engenharia Militar do Exército Português num amplo leque de intervenções, que contempla desmatações, limpeza de barragens e de linhas de água, abertura e beneficiação de caminhos, abertura de faixas de combustíveis, terraplanagens e demolições, entre outras.

Foi precisamente enquanto bom exemplo, dos resultados até agora alcançados ao nível da limpeza e desassoreamento das linhas de água, que o município lourinhanense foi escolhido para a organização desta cerimónia.

Na sua breve intervenção nesta sessão, o presidente da Câmara, João Duarte Carvalho, manifestou o seu agrado e reconhecimento pela colaboração e boa execução do trabalho levado a cabo pelos militares do Regimento de Engenharia nº 1, salientando que se trata de uma “parceria com grande eficácia real, que também envolve o apoio logístico dos Bombeiros Voluntários da Lourinhã, o contributo dos proprietários de terrenos confinantes com as limpezas e as respetivas Juntas de Freguesia”.

“Estou certo que esta atitude de cooperação será um bom exemplo para os municípios que vão beneficiar do PAOC 2015”, reiterou.

São eles os municípios de Arouca, Castanheira de Pera, Castelo de Vide, Castro Marim, Espinho, Ferreira do Alentejo, Monchique, Monforte, Moura, Silves, Sines, Sardoal, Portimão e Ponte de Sor.

Já entre 2011 e 2014 tinham sido desenvolvidos trabalhos em Beja, Coimbra, Cantanhede, Vila Nova da Barquinha, Aljustrel, Sesimbra, Covilhã, Ribeira de Pena, Entroncamento, Mira, Abrantes, Golegã, Lourinhã e Sardoal.

O ministro da Defesa Nacional, José Pedro Aguiar-Branco fez, também, questão de salientar os bons resultados da parceria no âmbito do PAOC, afirmando que “é um bom exemplo da racionalidade de meios” e de que “o poder local e as Forças Armadas são capazes de trabalhar de forma articulada”. O representante do Governo destacou, ainda, o grande objetivo destas intervenções, que é o de beneficiar as populações.

No final da sessão, os representantes do Governo, Exército e demais convidados presenciaram o desenrolar dos trabalhos de limpeza num troço do rio Grande.