História

Visão

A RCL, como rádio local, não pode descurar a inovação tecnológica e, enquanto meio de comunicação social, está consciente da caminhada simultânea que se lhes impõe. Se até há uns anos a Frequência Modulada, FM, era o único campo de atuação, com as respetivas barreiras em termos de espetro radioelétrico.

Hoje, não há barreiras.

A RCL emite para o mundo.

Desta forma, a RCL concebe fazer diariamente rádio para a pessoa que vive paredes meias com a rádio, mas também fazer rádio para os que são da terra e estão fora, bem como para aqueles que encontram afinidade com os conteúdos através do online, das redes sociais, numa, cada vez mais, estreita fusão entre o audio e o visual.

Missão

24 horas com programação própria, espaço para programas de autor, música variada, informação local, apontamentos noticiosos em termos nacionais, assuntos do quotidiano, sugestões locais, curiosidades, em suma, companhia e atualidade ao ouvido de quem acompanha a RCL quer em 99.0FM ou em www.rcl99.fm

Consciente do ritmo de vida, cada vez mais agitado das populações, a RCL desempenha o papel de companheira ao longo do dia, adquirindo o ritmo do ouvinte e partilhando também o seu ritmo, com a função de fazer o percurso que o ouvinte faz de carro, “estando” junto ao ouvinte no trabalho, “partilhando” o dia-a-dia e o pulsar das horas desde o ritmo mais frenético do início do dia e no regresso a casa, até à sensação de calma e descanso que a noite traz.

Notícias locais, música e publicidade estão presentes nas 24 horas de emissão.

Valores

Ética, rigor, trabalho de equipa, integridade são os valores pelos quais se pauta a atuação da RCL, assumindo, com elevado sentido de responsabilidade, a função que tem de informar o público local, bem como de contribuir para um entretenimento cultural e recreativo. Liberdade de expressão, liberdade de pensamento, são também valores da RCL, contribuindo para o pluralismo de opiniões de modo a enriquecer o debate cultural, com total abertura para a comunicação com o exterior.

Historial

A 06 de Março de 1989, foi publicado no Diário da República Nº54, a atribuição de alvará ao Rádio Clube da Lourinhã, C.R.L..

O Rádio Clube da Lourinhã, C.R.L., nasceu em 21 de Julho de 1989, com a nomeação de uma Comissão Directiva, representativa da vontade das duas “Rádios Piratas”, então existentes a “Rádio Clube da Lourinhã e a “Rádio Belo Horizonte”.

O seu núcleo inicial era constituído por vinte elementos transitados da antiga “Rádio Clube da Lourinhã” e por oito novos elementos que aderiram ao projecto então em marcha.

Para a constituição desta primeira Comissão Directiva entraram dois elementos da Ex-Rádio Clube da Lourinhã – João Duarte Carvalho e Pedro Miguel Pimenta, dois elementos da Ex-Rádio Belo Horizonte – Manuel José Vitorino e José António Tomé, e dois elementos sem ligações às Ex-Rádios – Leandro Filipe Fernandes e José Nuno Leitão, com o mandato expresso de instalar o Rádio Clube da Lourinhã, C.R.L., que na altura apenas detinha um alvará, desde Março de 1989 e nada mais. Sem instalações, material de estúdio e antena, sem pessoal ou verbas, restava-lhe o sonho e a vontade de tornar possível a existência de uma Rádio local no Concelho da Lourinhã.

Ao longo de dois anos em casa emprestada, com algum material alugado, emprestado outro e adquirido em segunda mão o restante, mas com muito empenho, muitas horas dadas por vários colaboradores e com várias adesões de novos cooperantes a Comissão Directiva agora com Artur Mário Silva no lugar de Manuel José Vitorino, desde Novembro de 1989, pôs o RCL a funcionar, impondo-a como uma Cooperativa, sentida pelos Lourinhanenses como sua, com uma audiência em crescendo, e com uma credibilidade reconhecida que lhe permitiu ter uma acção importante para o desenvolvimento e divulgação do Concelho e das suas Instituições.

 Paralelamente, foi construindo uma casa própria, tecnicamente evoluída e esteticamente agradável para quem a visitava. Estavam criadas as condições para a eleição dos primeiros Órgãos Sociais em Junho de 1991.

A 22 de Dezembro de 1991, a RCL muda-se para as novas instalações, na Rua António Pinheiro de Andrade Lote 18 R/C Direito, com equipamentos totalmente novos e alarga o período de emissão para dezanove horas diárias – das 7 às 2 horas da manhã.

A 25 de Junho de 1993, a RCL promove uma passagem de modelos no Restaurante Paimogo da Estalagem da Praia da Areia Branca. Com reconhecido sucesso foi efectuada uma nova passagem de modelos (Outono/Inverno) no dia 5 de Novembro de 1993 na Associação Cultural e Recreativa Seixalense.

Em 24 de Junho de 1995, a RCL, recebeu da Câmara Municipal da Lourinhã, o Diploma da Medalha de Ouro da Vila da Lourinhã, por serviços prestados em benefício do Concelho.

A 13 de Setembro de 1996 a RCL foi a anfitriã da entrega do Prémio APR/Montepio Geral, para a Melhor Reportagem, onde esteve presente o Secretário de Estado da Comunicação Social, Arons de Carvalho.

A entrega deste prémio foi no Restaurante Braga, durante um almoço, tendo sido durante a manhã servido um “Porto-de-Honra”, no Museu da Lourinhã. O dia encerrou com um espectáculo, no recinto da Louricoop, onde actuaram vários artistas de música popular.

O Rádio Clube da Lourinhã, CRL, desempenhou a função de Presidente da Assembleia Distrital de Lisboa do Concelho de Delegados, da Associação Portuguesa de Radiodifusão, no biénio 1996 – 1997.

A 1ª Noite de Fados da RCL surge a 2 de Fevereiro de 1996, no Restaurante Braga no Vimeiro. Um mês depois a 30 de Março de 1996 foi realizada a 2ª Noite de Fados, desta vez na Associação Cultural e Recreativa Seixalense.

De 1995 a 2001, foram realizados 7 Torneios de Futebol 5 – Masculinos e entre 1998 e 2000 3 Torneios de Futebol 5 – Femininos.

Nos Meses de Dezembro de 1998 a 2001 a RCL levou a efeito o Concurso de Montras de Natal.

Não querendo esquecer os mais jovens, nos anos de 1999 a 2001 foram realizados pela RCL 3 Concursos de Literatura Juvenil.

A 18 de Maio de 2002, no recinto de Festas da Praia da Areia Branca, a RCL realiza a Festa da Rádio, com 19 artistas em palco, três deles da região.

Em Outubro desse ano, a RCL altera o seu logótipo, para um dinossauro, símbolo do Concelho, com as iniciais RCL em seu redor.

Querendo trazer mais informação local aos seus ouvintes a RCL, deixa os blocos de informação que tinha até então (às 10/14/18 e 22 horas), para ter informação de hora a hora entre as 9 e as 13 horas e depois ás 15, 17 e 19 horas, tendo informação em cadeia com a TSF às 16 e 20 horas.

A 31 de Maio de 2003, na Praça Coronel António Maria Baptista, no centro da Lourinhã, a RCL realiza a segunda Festa da Rádio, mas desta vez em conjunto com a Associação dos Bombeiros Voluntários da Lourinhã. Os artistas convidados foram os In Loco, Astronautas, Sonya Costa, Ridle, Frtitz Khan e os Sexto Sentido. Esta Festa teve um cariz de solidariedade, pois metade da receita foi para a Associação de Bombeiros, que tinha perdido em Abril desse ano uma viatura autotanque de combate a incêndios.

No fim-de-semana de 23 e 24 de Agosto de 2003, a RCL promove o 1º Festival de Música e Folclore. Um Festival que contou apenas com os artistas do concelho – Bandas Filarmónicas, Acordeonistas, e Ranchos Folclóricos –, e teve a particularidade de decorrer em simultâneo nas Praias do Concelho: Praia da Areia Branca e Praia de Porto Dinheiro, levando a musica da Lourinhã, aos banhistas e a muitos emigrantes do concelho que visitam a Lourinhã durante o mês de Agosto.

A 20 de Outubro de 2003, a Direcção da RCL decide acabar os simultâneos de informação com a TSF e reformular os horários da informação, que passam a ser de duas em duas horas entre as 9 e as 19 horas.

Em Junho de 2004, a RCL, aposta na reformulação do estúdio principal, transformando este, num estúdio de emissão digital. As emissões em digital tiverem início nas comemorações do Feriado Municipal do dia 24 de Junho. A partir desta data passa a ter noticiários às 9, 11 13 e 19 horas, totalmente locais.

Já em Dezembro de 2004, a RCL faz a sonorização de Natal das principais ruas da vila.

A 24 de Junho de 2005, a RCL transmite em directo a Sessão Solene do Dia do Concelho, realizando os noticiários em directo dos Paços do Concelho.

A 23 e 24 Julho de 2005,  a RCL fez parte da organização do IV Rockoeste, na Praia da Areia Branca, tendo levado a cabo a sua emissão em directo no dia 23 desde as 15 horas até às 02 horas a partir do recinto do Rockoeste.

Em Setembro de 2005, é registado o domínio da RCL na Internet, e  colocado on-line o site na rádio no sitio: www.rcl99.fm.

Este capítulo da história da RCL teve a particularidade de termos o nosso site premiado no final do ano, com o “Óscar da Rádio” para o melhor site do Distrito de Lisboa.

Em Novembro, a  RCL, foi uma das 5 rádios do país seleccionadas para testar a emissão on-line na Internet, ao abrigo do projecto ROLI – Rádios On Line na Internet, da APR – Associação Portuguesa de Radiodifusão.

A 24 de Junho de 2006, realizamos uma emissão especial no dia do Concelho em directo da praça José Máximo da Costa, onde para além de acompanharmos as iniciativas oficiais, oferecemos, 200 cd’s, camisolas e bolas de futebol da selecção nacional, participava no Mundial de Futebol, na Alemanha.

Em Agosto de 2007, foi reeditada a Festa da Rádio que não se realizava desde 2003. A iniciativa teve lugar na Abelheira contando com a participação dos acordeonistas do Concelho Rodrigo e Teresa Maurício e Vítor Apolo. A cabeça de cartaz foi Quim Barreiros, tendo participado no evento cerca de 2.000 pessoas.

Em Janeiro de 2008,  a convite de um grupo de naturais de Toxofal de Baixo, a RCL viaja até ao Canadá para participar na Festa de S. Sebastião em Toronto. O presidente da Direcção Nuno Reis e o Padre Ricardo franco, Director do Jornal Alvorada, são os convidados de uma festa que à vários anos distribui o dinheiro apurado por instituições do Concelho. Na deslocação a Toronto, os dois Directores visitaram as instalações da Radio CHIN que produz todos os dias um programa em português.

A 14 de Setembro de 2009, numa iniciativa inédita, com o Jornal Alvorada, são efectuados uma série de 13 debates públicos com os principais candidatos às eleições autárquicas deste ano no concelho da Lourinhã. Os debates poderam ser acompanhados publicamente na antiga sede da Associação Cultural e Recreativa do Seixal, ou, em directo, através da RCL em 99.0 fm, entre as 21h30 e as 22h30.

A 05 de Abril de 2012, um incêndio destruiu por completo as instalações e vários equipamentos do RCL.

De 2 a 12 de Setembro de 2013, o RCL e o Jornal Alvorada voltam mais uma vez a juntarem-se e organizam novos debates com os candidatos às eleições autárquica desse ano. Desta vez os debates decorreram no Auditório do Centro Cultural Dr. Afonso Rodrigues Pereira. Os debates foram transmitidos em directo pela rádio e videos colocados on-line logo a seguir, no canal do Youtube da rádio.

A 13 de Fevereiro de 2015, Dia Mundial da Rádio, regressam as emissões em directo, nos novos dois estúdios do RCL, na Escola do 1º Ciclo de Capelas, cuja inauguração oficial dos mesmos, ocorreu a  09 de Maio de 2015.