Notícias

Ajudar a quem precisa_Lourinhã

3rd Setembro, 2015

Em Março de 2016, o grupo – Ajudar a quem precisa_Lourinhã – completa dois anos. A RCL recebeu, em estúdio, esta manhã, Vanda Policarpo, mentora desta ideia e administradora do grupo, que começou por ajudar uma família e, depois das ajudas que recebeu, sentiu necessidade de criar o grupo, como contou à RCL.

Vanda 1

Vanda Policarpo

Diariamente chegam ao Grupo, actualmente com cerca de 2.500 membros, pedidos de ajuda: alimentos, mobílias, livros, roupas. Este Grupo tem-se assumido como um agregador de boas vontades. Quem pode, contacta para contribuir. Quem precisa, contacta para receber, por norma, com dificuldade em assumir essa necessidade. Cuidado que, desde sempre, Vanda Policarpo, teve, no sentido de preservar a privacidade e identidade de cada pessoa que a contacta.

Muitas têm sido as ajudas que têm surgido, quer de particulares, quer de empresas da Lourinhã ou mesmo Instituições do concelho. Vanda Policarpo tem funcionado como “a ponte” entre quem dá e quem recebe. As roupas que recebe são organizadas, na sua própria casa, por idades e género. Quando se trata de roupas para bebés, normalmente quem leva roupa aos 3 meses, devolve aos 6 e abastece-se de roupa actual. O ciclo de ajuda é continuado até que a pessoa/as famílias ganhem autonomia, como o exemplo aqui deixado por Vanda Policarpo.

Por norma, quando há famílias a precisar de alimentos, Vanda Policarpo encontra a ajuda e pede que a entrega seja feita à própria família, para haver um contacto directo. Muitas vezes, conta, daí surgem amizades e quem ajuda vai acompanhando a vida daquela família, mesmo depois de deixar de necessitar da ajuda.

São muitas as histórias de ajuda ao próximo e ajuda mútua, em quase dois anos de existência do Grupo. Neste espaço de tempo há quem já tenha doado ao Grupo e esteja agora a precisar de ajuda, vendendo bens materiais a preços simbólicos.

Tal como, muitas vezes, num cabaz entregue a uma família com crianças, segue um brinquedo, um miminho para os mais novos, muitas vezes, entende Vanda Policarpo, também, há um mimo para os adultos, para que tenham conforto nas suas casas.

 ajudar a quem precisa

Se ainda não faz parte deste Grupo, poderá passar a fazer a partir de agora – para ajudar e/ou ser ajudado.

Caso pretenda indicar o contacto a alguém ou chegar à fala com o Grupo, poderá ligar para a RCL 261 471 740, facultamos os dados/contactos de que necessita, sem que tenha de se identificar.